8
dez

Remédio Para calvície [ Descubra os Top 5 Melhores do Brasil ]

Se você chegou até aqui é porque está querendo saber um pouco mais sobre remédio para calvície, pode ter certeza de que você chegou ao lugar certo, pois hoje falaremos exatamente sobre isso!

O fato é que ter cabelos fortes, brilhantes e sedosos é o sonho de todo mundo, embora nem sempre isso seja totalmente possível.

Atualmente, pesquisas mostram que o número de pessoas com calvície é realmente muito grande e só tem aumentado, tanto para as mulheres quanto para os homens.

O importante é sempre lembrar que a calvície é um processo caracterizado pela queda de cabelo em grande quantidade, ocasionando falhas no couro cabeludo ou então a aparência de cabelo ralo.

Um dos aspectos negativos dessa doença é que quando ela é percebida, normalmente o processo já está bastante avançado, com uma queda de mais de 40% dos fios.

Isso pode ser bem negativo, visto que os resultados do tratamento são sempre melhores quando o problema é diagnosticado precocemente.

Vale lembrar ainda que nem toda a queda de cabelo significa que você está com calvície, pois é comum perder cerca de 100 fios de cabelo por dia, sendo um processo natural de renovação capilar.

Mais do que isso, as causas da calvície podem ser variadas e o tratamento deve ser definido de acordo com o isso, então, se faz essencial consultar um médico para que se tenha um diagnóstico adequado.

Então, se você está interessado e quer saber um pouco mais sobre o remédio para calvície, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Remédio para calvície

Capifix é um suplemento natural para tratamento da calvície, com ingredientes selecionados para promover uma melhora significativa.

Também conhecida como alopecia androgenética, a calvície é um problema que pode ser tratado com medicamentos de uso oral ou tópico.

No entanto, somente um médico é que pode recomendar qual é o melhor produto a ser utilizado, considerando cada caso individualmente.

Isso vale principalmente porque alguns dos remédios para calvície apresentam contraindicações e também efeitos colaterais sérios, não sendo recomendado o uso indiscriminado.

Então, conheça a seguir uma lista com uma variedade de remédio para calvície:

Minoxidil

Sem dúvidas, esse é um remédio para calvície que está entre os mais conhecidos do mercado, tanto pela sua eficácia quanto por seus efeitos colaterais.

Ele pode ser encontrado em concentrações de 2% e de 5% e é um medicamento de uso tópico, ou seja, aplicado diretamente no couro cabeludo.

A substância ativa desse remédio para calvície atua de forma a estimular o funcionamento do folículo capilar. Mais do que isso, ela também aumenta os vasos sanguíneos, promovendo uma melhora na circulação local.

A solução de Minoxidil pode ser aplicada diretamente no couro cabeludo seco, especialmente onde o cabelo está mais fraco. Depois, é importante fazer uma massagem suave para que o produto seja absorvido.

Comumente a solução de maior concentração e indicada para homens e a de menor concentração é indicada para as mulheres, lembrando que é o tratamento deve durar de 3 a 6 meses e a aplicação nunca deve ser de mais de 1 ml.

Finasterida

Esse remédio para calvície é diferente do anterior, visto que é vendido em forma de comprimidos de 1mg. Ele é indicado para o público masculino tanto no tratamento da alopecia androgenética quanto para aumentar o crescimento dos cabelos e prevenção a queda.

O tratamento costuma ter 3 meses de duração com 1 comprimido por dia.

Espironolactona

Esse é um medicamento comumente indicado para o tratamento da hipertensão e também de distúrbios edematosos. O que acontece é que seu uso mostrou que a substância ativa também tem efeito anti-androgênico.

É justamente por isso que ele pode ser recomendado para o tratamento da calvície como um remédio para alopecia, especialmente para mulheres.

Esse remédio irá atuar no organismo de forma a retardar o processo de queda dos fios, além de estimular o crescimento dos mesmos.

O melhor de tudo é que ele pode ser utilizado como tratamento único ou em conjunto com o Minoxidil, para que tenha seus efeitos potencializados.

O medicamento deve ser utilizado conforme recomendação médica, mas tem apresentação em comprimidos de 50mg até 300mg.

Cetoconazol

Esse é um medicamento com ação antifúngica, que pode ser utilizada no tratamento da dermatite seborreica.

Sem dúvidas, ele não é um remédio para a calvície em sim, mas ele trata uma das causas do problema. Mais do que isso, quando o seu uso é associado com um medicamento específico para alopecia, os resultados tendem a ser ainda melhores.

Normalmente o cetoconazol para essa finalidade se apresenta em forma de shampoo, que pode ser usado de 2 a 4 vezes por semana, sempre deixando que ele aja de 3 a 5 minutos antes de enxaguar.

Suplementos naturais

Atualmente, o mercado já conta com uma grande variedade de suplementos naturais que podem ser utilizados no como remédio para calvície.

A grande vantagem é que, por serem feitos apenas com ingredientes naturais, esses produtos não causam efeitos colaterais e nem possuem contraindicações, sendo considerados muito vantajosos.

Pronto, agora você já conhece remédio para calvície e como cada um deles atua!

Postos Relacionados: CapiFix bula? Nova Febre do nicho da saúde que recentemente chegou no Brasil: CapiFix funciona composto natural que tem auxiliado muitos brasileiras por todo país no tratamento da alopecia areata.

5
dez

Qsymia Emagrece Mesmo?

Phytophen

O medicamento nem mesmo é facilmente encontrado no País, mas já é especulado como uma das alternativas eficientes para aqueles que buscam diversas formas de emagrecer, mas não conseguem. Qsymia é a junção de dois medicamentos fortemente apontados para efeitos prejudiciais que retardam a perda de peso. Vale atentarmos para as indicações de uso e os resultados de pesquisas, pois elas são muito úteis para refletirmos sobre os efeitos secundários e as possíveis consequências que podem ocorrer com sua saúde.

Abaixo você poderá conhecer mais sobre o medicamento e avaliar se Qsymia emagrece mesmo ou se é apenas mais uma das especulações apontadas por pessoas que desejam emagrecer de todas as formas… Saudáveis ou não.

O que é Qsymia?

Estudos provaram que pessoas que tomam Qsymia podem emagrecer de 6% a 7% mais que pessoas que se dedicam à perda de peso sem qualquer suplementação. O remédio é feito através da junção de dois medicamentos: A fentermina e topiramato. O primeiro se responsabiliza pela redução de apetite, já o segundo é capaz de reduzir a compulsão por doces e alimentos gordurosos. Os dois efeitos são extremamente poderosos, já que a maioria dos casos de obesidade tende a ocorrer devido a esses desvios de alimentação. A fentermina pertence a um grupo de medicamentos chamado aminas simpatomiméticas, já o topiramato é caracterizado como anticonvulsivo ou uma droga anti-epiléptica.

Como tomar Qsymia

Não é recomendável dissolver as cápsulas ou mastig´å-las, pois isso pode elevar a probabilidade de ocorrência dos efeitos colaterais, devido a liberação mais rápida das substâncias.

Recomenda-se consumir o medicamento no período da manhã. Tomar esse medicamento sempre de acordo com as prescrições pode reduzir a possibilidade de dependência.

Qsymia emagrece mesmo?

Pode-se afirmar que tomar Qsymia emagrece, mas é importante que você saiba como o medicamento se comporta em seu organismo.

A fentermina é caracterizada como um anorexígeno, ela é capaz de reduzir o apetite, o que pode induzir à anorexia. Seus benefícios são tão potentes que seu uso foi proibido pela ANVISA, utilizarando o argumento de que o medicamento pode contribuir com mais efeitos colaterais que benefícios.

Já o topiramato é muito comum em tratamentos de compulsão alimentar e pode reduzir aqueles desejos inexplicáveis de comer um brigadeiro ou um saboroso hambúrguer. Ele reduz esses desejos sem fundamentos, e é muito utilizado para tratamentos de convulsões e enxaquecas, mas em contra partida, ele pode ocasionar consequências ao funcionamento cerebral, pois reduz a eficiência de memorização e raciocínio.

Os efeitos também não podem ser garantidos, principalmente após a interrupção do tratamento, pois o medicamento age apenas sobre a compulsão alimentar e o apetite das pessoas. Assim, você poderá obter todo o peso perdido caso retorne a uma alimentação irregular e pouco saudável após o tratamento. Qsymina emagrece mesmo, mas cabe a você refletir se vale a pena se tornar dependente desse medicamento ou buscar alternativas saudáveis para reduzir seu peso e ficar livre de consequências futuras.

Efeitos colaterais do Qsymia

Tomar Qsymia no período noturno pode resultar em insônias e dificuldades na hora de dormir. Os efeitos colaterais podem ser mais comuns e agravantes em caso de uso excessivo do remédio e se seu consumo for feito junto a outras suplementações para intensificar a queima de gorduras.

Em caso de dosagens altas e consumo a longo prazo, podem ocorrer convulsões e abstinência, principalmente se houver consumo de bebidas alcoólicas e drogas.

Poderá ocorrer formigamento nas mãos, boca seca, sonolência ou dificuldade de dormir, tonturas, fadiga, prisão de ventre e inclusive sabor metálico na boca.

O uso de Qsymia também pode ocasionar dificuldade de concentração, pedras nos rins, redução na frequência dos batimentos cardíacos, perda de consciência, dores ao urinar e até reduzir a saúde dos ossos.

O topiramato dificilmente oferecerá efeitos colaterais, mas em casos mais graves de excesso de uso, pode-se haver casos de problemas secundários na visão, pode ocorrer dores nos olhos e até vermelhidão. Ele também pode reduzir sua capacidade de transpirar e ainda aumentar a possibilidade de ocorrência de insolação. É recomendável que a ingestão de água seja ainda maior durante o tratamento com Qsymia.

Tonturas, dificuldade para respirar, comichão e inchaços no rosto são características de reações alérgicas, então atente para que essas reações não se agravem, interrompa o tratamento e busque orientação médica.

Contra indicações

O uso de Qsymia é contra indicado para gestantes e mulheres em fase de amamentação. As substâncias podem oferecer riscos ao feto, como aumentar a possibilidade de problemas congênitos, como a formação de lábio leporino e também comprometer a composição do leite materno.

Pessoas que estão em tratamentos com remédios contra convulsões e transtornos também devem evitar o consumo de Qsymia, pois o uso do remédio pode ocasionar oscilações de humor e até depressão e sentimentos e comportamentos suicidas.

Casos isolados de alergias são raros, mas não podem ser descartados, então atente para as reações; em caso de identificação, busque orientação médica para esclarecimento de dúvidas.

O consumo não é recomendável para pessoas de idades avançadas, pois pode resultar na elevação da pressão arterial e tonturas. Em caso de diabéticos, o uso de Qsymia deve ser acompanhado por visitas frequentes ao médico, para que os níveis de açúcar sejam sempre avaliados para reduzir a ocorrência de hipoglicemia.

Orientação de um médico

Não tome Qsymia sem a orientação de um profissional da saúde. Apenas ele poderá avaliar as suas reais necessidades de um tratamento paralelo para intensificar a queima de calorias em sua dieta. Busque um médico de confiança e que possa esclarecer todas as suas duvidas, para que não ponha sua vida em risco apenas por fins estéticos.

Dieta é fundamental

Não acredite que a Qsymia irá oferecer efeitos milagrosos para você emagrecer. Qsymia emagrece mesmo, mas requer dedicação, então, para que você possa se sentir feliz com a redução das medidas, adote uma alimentação equilibrada e nutritiva para seu corpo se manter forte e saudável para reagir da melhor forma possível diante dos possíveis efeitos colaterais oferecidos pelo medicamento.

Exercícios físicos

As atividades físicas são fundamentais para você queimar mais calorias que ingerir diariamente. Elas poderão intensificar a queima de gorduras e manter seu metabolismo ativo de forma continua durante todo o dia. Busque os exercícios que melhor se adequam ao seu gosto pessoal e faça dessa prática uma nova forma de lazer saudável para a sua vida.

Qsymia no Brasil

Concluimos então que Qsymia emagrece, mas você deve entender que sua venda ainda não foi permitida aqui no Brasil. Sua fama se tornou ampla devido à divulgação em diversos países que desfrutaram dos benefícios da junção dos remédios para a redução do percentual de gordura de pessoas obesas.

Como todos os medicamentos para emagrecer, cabe a você avaliar os efeitos colaterais e reconhecer se o uso é realmente seguro ou não. De acordo com os estudos realizados nos Estados Unidos, a Qsymia já se tornou uma das motivações extras para as pessoas buscarem se adequar ao seu IMC ideal, mas nós brasileiros ainda teremos que aguardar para testar se Qsymia emagrece mesmo ou não.

Fonte Bibliografica:http://www.prefeituradegravata.com.br/phytophen-funciona/http://www.pmpontebranca.com.br/phytophen-formula/

10
out

A obesidade pode causar incontinência?

Uma das causas da incontinência é a obesidade, uma doença que pode afetar sua qualidade de vida e auto-estima. Queremos que você se sinta saudável e bonita, e para isso temos a especialista Diana Cecília Vahos que explica do que se trata essa doença e quais os cuidados que se deve ter e como tratar a obesidade com o Reduction Caps.

A obesidade faz com que a incontinência?

A obesidade é um fator que favorece o aparecimento de incontinência de esforço. Isso ocorre porque ocorre uma pressão e um enfraquecimento dos músculos do assoalho pélvico, que se encontram localizados abaixo do útero, a bexiga e o intestino grosso e são os encarregados do controle de esfíncteres.

Para esses casos recomenda-se perder peso e fortalecer a musculatura dessa área com os exercícios de Labirinto.

Quem é obeso?

As pessoas obesas são aquelas que apresentam percentagens de gordura corporal superiores aos adequados de acordo com sua idade e estatura. A obesidade é o acúmulo anormal de gordura, que resulta em prejuízos para a saúde.

Algumas das causas desta doença são os maus hábitos alimentares, como a ingestão de alimentos hipercalóricos, a falta de exercício e de outros de caráter hereditário ou associado a fatores como o hipertireoidismo ou alterações no hipotálamo.

É aconselhável consultar um médico para avaliar o índice de massa corporal e condição física.

Comer frutas, proteínas, não abusar de doces e gorduras são indispensáveis para ter uma dieta saudável

Suplementos para Obesidade?

O Reduction Caps contém uma fórmula fantástica que está fazendo várias pessoas emagrecerem mais de 15kg em poucas semanas. Em poucos dias é possível emagrecer mais de 5kg, sem precisar de sofrimentos, somente com a ajuda da tecnologia.

O que outros hábitos devemos ter?

Fornece a cada refeição, sem excessos de gorduras, açúcares ou hidratos de carbono e lembre-se de comer porções pequenas.

Um nutricionista pode indicar, de acordo com o seu índice de massa corporal e necessidades específicas, quantas refeições você deve consumir.

Quais são os riscos para nossa saúde, traz-nos uma má alimentação?

A obesidade ou o sobrepeso afetam de várias formas em nossa saúde. As principais cardiopatias, hipertensão arterial alta, diabetes, acidentes vasculares cerebrais, os danos nas articulações e doenças cardiovasculares são os principais riscos para a nossa saúde.

O que recomendas para as mulheres que sofrem de obesidade e querem mudar esta situação em suas vidas?

Se você sofre de obesidade ou excesso de peso, eu recomendo mudar o seu estilo de vida; ter consciência do que está comendo, praticar hábitos saudáveis na alimentação e no exercício físico. Assim você evitará o risco de sofrer com a incontinência por esforço.

À medida que se diminui de peso, aprecia-se rapidamente a melhoria das queixas e doenças. Esta melhoria será o motivo para continuar cuide o aconselhe-se com um especialista e começa a dar-lhe uma mudança em sua vida!

3
out

Como Está a sua consciência realmente acordado? Sua mente, corpo e espírito precisam

Com o passar do tempo nós estamos acostumados a pensar que a consciência é um conhecimento espontâneo e vago da realidade, porém, no plano espiritual, esta adquire um sentido profundo e vital para que possa viver em harmonia com seu corpo, mente e espírito.

Alguma vez você já pensou que você está vivendo no “piloto automático”? A grande maioria das vezes, as decisões e ações que realizamos são determinadas por uma série de conhecimentos e comportamentos aprendidos na infância, condicionamentos adquiridos no passado, que, às vezes, determinam o rumo de nossas vidas.

A consciência, entendida como parte essencial para o bem-estar integral do ser, é a apreensão do conhecimento interior e a habilidade para perceber o que acontece dentro de si mesmo, sem ser distraído pelo exterior. Em outras palavras, é a capacidade interior de ouvir e ver as mensagens que a vida entrega dia-a-dia para estar bem, saudável e feliz.

Não existe um guia para despertar a consciência, mas há dois grandes conselhos que permitem abrir esse caminho:

  1. Ouvir a mente e o corpo.
  2. Viver no presente, liberándote das angústias do passado e a ansiedade do futuro.

E essas duas coisas como são obtidos? Através da meditação. Mas, o que é a meditação?

Laura Lopez, especialista no tema, consegue nos dar clareza para despertar a consciência através desta técnica milenar que culturalmente foi entendido de forma errada

“Meditar não se trata apenas de se sentar uma hora inteira, como Buda para tentar colocar a mente em branco, mas de procurar alguma atividade ou alguma terapia complementar para que se acalme a mente”. Laura López.

De acordo com Laura, que sempre nos ensinaram a estar cheios de ruído e estresse, o que faz com que nos deixemos envolver no trabalho do dia-a-dia e criar uma desconexão com o nosso mestre interior. Para ela, meditar é simplesmente descansar a mente em um momento do dia para gerar bem-estar e, assim, conseguir conhecer-se a si mesmo através de uma atividade, uma paixão ou um hobby.

“Uma paixão te livra, te dá respostas, se acalma, se aquieta, e todas essas coisas que acabei de mencionar tornam-se uma meditação”. Laura López.

Este trabalho interno permite que haja um despertar de consciência, que pode ser potencializado através da leitura, o teatro ou qualquer outra atividade que canalize e alimente o ser. Desta forma, as respostas e os questionamentos que se procuram em agentes externos, são resolvidos no interior.

“As respostas você pode encontrar em qualquer coisa, em um pôr-do-sol, uma pessoa, um livro, um filme… quando alguém desperta a consciência, essas mensagens serão mais fáceis de apreciar, de ouvi-los e vê-los”. Laura López.

Meditar pode ser cozinhar, costurar, praticar yoga, reiki, dançar, desenhar ou fazer qualquer atividade que gere um estado de quietude e tranquilidade. Todas estas terapias atuam de forma positiva sobre o corpo, a mente e o espírito, permitindo que a consciência desperte e se aproveite o momento presente, sem que haja angústia do passado ou ansiedade pelo futuro.

Segundo Laura, é muito importante que haja uma intenção antes de cada terapia para trabalhá-la durante esse momento e conseguir uma maior sensação de libertação e descarga.

Em conclusão, a meditação é o caminho para despertar a consciência, a qual fará com que possamos viver de acordo com a lei do merecimento: mereço tudo de bom e belo que existe neste mundo e por isso vivo em harmonia com meu corpo, mente e espírito.

Conte-nos como uma pessoa medite e acorda a sua consciência para ser uma pessoa saudável e feliz!

26
set

Como cuidas dos teus olhos?

Os olhos são um dos órgãos que permitem perceber o ambiente e expressar sentimentos. Estão sempre ativos e recebendo informações, mas poucas vezes lhes é dada a relevância e cuidados que necessitam. Com o passar do tempo é normal que venham a ter alguns problemas com eles, por isso é de vital importância para descansar. Como qualquer órgão, os olhos também se desgastam e precisam do seu cuidado para que tenham um bom funcionamento.


A seguir, daremos algumas dicas que podem te ajudar:


Como cuidas dos teus olhos?


Alimente-se bem: uma dieta rica em cenoura, ahuyama e citrinos, se fornecem vitaminas e minerais que ajudam a fortalecer a visão.


Como cuidas dos teus olhos?


Ilumina os espaços: sempre que você passar o tempo em frente ao computador, a televisão ou um bom livro, procura ter iluminação suficiente para não esforçar a vista.


Como cuidas dos teus olhos?


Cuidado com o sol: quando você estiver ao ar livre em dias de sol, leva contigo um óculos que tenham filtro solar e proteção UV, assim cuidaras de seus olhos.


Como cuidas dos teus olhos?


Pisca constantemente: isso mantém a umidade dos olhos, evitando que fiquem secos.


Como cuidas dos teus olhos?


Realiza exercícios visuais: existem vários exercícios que você pode fazer em qualquer momento, você só precisa de alguns minutos. Um dos mais simples é colocar o seu dedo indicador no meio dos olhos, eu irlo afastando lentamente até uma distância de cinco centímetros de seu rosto, enquanto você continua com o olhar. Depois disso, a devolver o dedo até o seu rosto, sem deixar de olhá-lo e repites várias vezes.


Como cuidas dos teus olhos?


Massagear o globo ocular: com as mãos empuñadas e com muita suavidade, esfrega os olhos fechados várias vezes e aguarde alguns segundos para voltarem a abrir. Isso ajuda a descansar a vista.


Como cuidas dos teus olhos?


Aperte o cenho: é um exercício simples que você pode fazer em qualquer momento. Usa os dedos indicador e o polegar, são suavidade, enquanto faz o beliscão com os olhos fechados.


Como cuidas dos teus olhos?


Use receitas caseiras: existem remédios práticos que você pode fazer com ingredientes que você encontra na cozinha. As compressas de camomila e um algodão embebido em leite frio, são excelentes e fáceis de ideias para descansar seus olhos depois de um longo dia.


Conheça alguns remédios caseiros para relaxar seus olhos: https://mejorconsalud.com/6-remedios-caseros-calmar-la-sensacion-ojos-cansados


Essas dicas podem ser muito úteis para o cuidado de vista, no entanto, visitar periodicamente a um especialista, nunca é de mais.


Um grupo de profissionais em diferentes áreas da saúde está à sua disposição para resolver as suas preocupações.

Fale com nossos especialistas